Justiça brasileira investiga Piquet por insultos racistas e homofóbicos

SÃO PAULO (AP) – Um juiz brasileiro ordenou nesta segunda-feira a abertura de uma investigação sobre alegações de que o piloto aposentado de Fórmula 1 Nelson Piquet usou insultos racistas e homofóbicos sobre Lewis Hamilton.

Piquet, de 69 anos, fez os comentários em entrevistas filmadas em novembro, que só ganharam maior atenção no final de junho.

As acusações foram feitas por quatro grupos de direitos humanos, que querem que o tricampeão mundial Piquet pague R$ 10 milhões (US$ 1,86 milhão) por supostamente causar danos morais a negros e LGBTQ.

Piquet, que não respondeu a um pedido de comentário da Associated Press, terá 15 dias para apresentar seu caso ao juiz Felipe Costa da Fonseca Gomes, da Justiça do Distrito Federal.


Os comentários de Piquet, feitos em português enquanto discutia um acidente entre o heptacampeão Hamilton e Max Verstappen durante o Grande Prêmio da Inglaterra do ano passado, foram amplamente condenados por pilotos, equipes e órgão regulador do esporte.

Piquet se referiu a Hamilton como “neguinho” em português, que significa “pretinho”. O termo não é necessariamente um insulto racista no Brasil, mas é uma expressão que é cada vez mais vista como de mau gosto, e seu fraseado também pode enfatizar isso.

Piquet inicialmente se desculpou com Hamilton, dizendo que o termo foi “mal pensado” e não pretendia ser ofensivo. Ele acrescentou que “neguinho” pode ser usado como abreviação de “pessoas em geral”.

Mas um segundo trecho do mesmo vídeo, publicado em 1º de julho pelo site Grande Prêmio, deixou poucas dúvidas de que Piquet estava destacando Hamilton como “o pretinho”, ao qual acrescentou um insulto homofóbico.

READ  Mercado de resseguros do Brasil segue negativo: AM Best

O brasileiro usou linguagem homofóbica para dizer que o piloto britânico não estava focado em desafiar o companheiro de equipe da Mercedes, Nico Rosberg, pelo título de 2016.

Após a publicação do segundo trecho, Piquet disse à Motorsport Magazine durante o clássico de Le Mans que a indignação com seus comentários é irrelevante.

“Não há nada, nada que eu tenha dito de errado”, disse Piquet. “Eu realmente não me importo, isso não atrapalha minha vida. Estou aqui com meus amigos, estamos nos divertindo, é isso.”

___

Mais automobilismo AP: https://apnews.com/hub/auto-racing e https://twitter.com/AP_Sports

We will be happy to hear your thoughts

Leave a reply

PREFEITURACONCURSOS.COM.BR PARTICIPE DO PROGRAMA ASSOCIADO DA AMAZON SERVICES LLC, UM PROGRAMA DE PUBLICIDADE DE AFILIADOS PROJETADO PARA FORNECER AOS SITES UM MEIO DE GANHAR CUSTOS DE PUBLICIDADE DENTRO E EM CONEXÃO COM AMAZON.IT. AMAZON, O LOGOTIPO AMAZON, AMAZONSUPPLY E O LOGOTIPO AMAZONSUPPLY SÃO MARCAS REGISTRADAS DA AMAZON.IT, INC. OU SUAS AFILIADAS. COMO ASSOCIADO DA AMAZON, GANHAMOS COMISSÕES DE AFILIADOS EM COMPRAS ELEGÍVEIS. OBRIGADO AMAZON POR NOS AJUDAR A PAGAR AS TAXAS DO NOSSO SITE! TODAS AS IMAGENS DE PRODUTOS SÃO DE PROPRIEDADE DA AMAZON.IT E DE SEUS VENDEDORES.
Prefeitura Concursos